domingo, março 29, 2009

Empate com sabor a derrota

BOAVISTA - VISEU FUTSAL 2001 (7 - 7)

Campeonato Nacional da 2ª Divisão - Série Norte - 22ª Jornada
Pavilhão do GD do Viso - Porto
Sábado, 28 de Março - 16h00
Assistência: cerca de 100 espectadores

BOAVISTA FC - João Salgado, Azevedo, Rogério Geitoeira, Preto e Fábio
Jogaram ainda: Tonante, Chico e Nuno Lemos
Não utilizados: Jota, Marco e Teixeira
Treinador: Alberto Melo

VISEU FUTSAL 2001 - Diogo, Borys, Carlinhos, Romário e Robson
Jogaram ainda - David, Careca, Vitinho
Não utilizados: Edu, Sequeira e Rike
Treinador: Augusto Assunção
Treinadores Adjuntos: Ricardo Matos e David Sousa

Equipa de Arbitragem: José Paulo Orfão e Mário Silva (AF Viana do Castelo)

Resultado ao intervalo: 4 - 0
Resultado final: 7 - 7

MARCADORES: Preto (7' e 35'), Rogério (16', 17' e 19'), Fábio (21') e Chico (40') pelo Boavista; Vitinho (21' e 22'), Carlinhos (26'), Robson (29', e 39') e Romário (30' e 33') pelo Viseu Futsal 2001

CARTÕES: Tonante (18'), Fábio (19'), Azevedo (38') e João Salgado (32' e 38'); Borys (3'), Careca (10'), David (18'), Vitinho (29'), Rike (39') e Diogo (19' e 35')

Num jogo entre duas equipas que têm vindo a fazer um campeonato tranquilo e com os seus objectivos praticamente assegurados, a equipa do Viseu Futsal voltou a mostrar valor e talento para estar alguns lugares mais acima na tabela classificativa.
O Viseu Futsal entrou bem no jogo, adoptando uma atitude mais dominadora frente a um Boavista a defender muito recuado e tentando aproveitar o contra-ataque para surpreender a equipa de Viseu.

O Viseu Futsal dominava o jogo mas não criava muitas oportunidades de golo e o Boavista explorava as rápidas transições ofensivas de Rogério Geitoeira e a colocação da bola no pivot Preto que frequentemente procurava os lances individuais para finalizar.
Aos 7' e num lance de bola parada, e com alguma sorte no remate de Fábio, Preto aparece oportuno dentro da área e finaliza de cabeça fazendo o 1 a 0.
O Boavista continuava muito fechado e João Salgado ia anulando as intenções dos viseenses em chegar ao empate. O Viseu Futsal ia acumulando faltas e aos 16' faz a sua 6ª falta que dá origem a um livre de 10 metros que Rogério converte fazendo o 2 - 0.
Na resposta dá-se um dos casos do jogo. Diogo, da sua área, tenta colocar a bola em Romário, colocado na área contrária, João Salgado salta nas costas do atleta viseense em direcção à bola, mas num erro de avaliação da trajectória da bola esta passa-lhe por cima e entra na sua baliza. O guarda-redes do Boavista fica desolado com o erro e deita as mãos à cabeça, mas o 1º árbitro resolve anular o golo e marcar nova falta contra o Viseu Futsal, perante a estupefacção de todos os presentes no pavilhão, inclusive os atletas do Boavista. Num lance que originaria o 2 - 1, resultou no 3 a 0 para o Boavista, por intermédio de Rogério.
Os erros do 1º árbitro continuavam a suceder, invariavelmente contra o Viseu Futsal, e aos 19' novo livre de 10 metros é assinalado, dando oportunidade para Rogério fazer o seu hattrick e elevar para 4 - 0, com que terminava a 1ª parte.

A desmotivação dos atletas do Viseu Futsal estava patente nas suas expressões ao sairem para o balneário. Mas ao sairem para a 2ª parte a equipa estava unida e decidida em fazer o seu jogo e mostrar o seu valor, apesar de conscientes das dificuldades que o 4 - 0 trazia.
Logo aos 21' Vitinho, uns dos mais inconformados e tendo realizado a sua melhor exibição deste campeonato, reduzia para 4 - 1 aproveitando uma reposição lateral efectuada por Romário.
Na resposta o Boavista ainda faz o 5 a 1 por Fábio, com muitas culpas defensivas. Mas este golo não abateu as ilusões dos comandados de Augusto Assunção e Vitinho numa bomba faz o 5 - 2 aos 22', para aos 24' falhar escandalosamente o 5 - 3 de baliza aberta, deixando antecipar pela rápida intervenção do João Salgado.
Aos 26' Carlinhos faz o 5 - 3 e a esperança dos viseenses renascia. Aos 29' Robson fazia o 5 - 4 e Romário concluia uma brilhante jogada de Carlinhos e empatava a partida ao minuto 30.
O Boavista não conseguia jogar, tal era a pressão exercida pelo Viseu Futsal, e o impossível chegava aos 33', com Romário a marcar novamente e completar a reviravolta no marcador fazendo o 5 - 6.
O jogo estava emotivo, apesar do domínio absoluto da equipa de Viseu, mas aos 35' o 1º árbitro expulsa o guarda-redes Diogo por acumulação de amarelos, numa situação que deixou muitas dúvidas no pavilhão. David entrou, mas o Viseu Futsal ficou com menos um elemento em campo e aos 36' Preto igualava de novo a partida num gesto técnico brilhante.
Aos 38' João Salgado via o 2º cartão amarelo e o Boavista ficava reduzido a 4 elementos. O Viseu Futsal aproveitou e Robson fez o 6 - 7 a 1 minuto do final do jogo.
Mas a injustiça chegava a 20 segundos do fim, com Chico, também a jogar como 5º elemento, finalizava na cara de David e fazia o 7 - 7, resultado final.

Os jogadores do Viseu Futsal sairam do campo frustrados pelo resultado, mas com a certeza que tudo fizeram para levar os 3 pontos para Viseu, tendo mostrado uma grande união e um coração enorme, que lhes deu a força necessária para acreditar na reviravolta do marcador depois de um resultado muito desfavorável na 1ª parte.

A equipa de arbitragem cometeu muitos erros, demosntrando alguma intranquilidade, num jogo em que ambas as equipas já nada tinham a ganhar ou a perder do ponto de vista dos objectivos da época.

No próximo domingo o Viseu Futsal recebe a equipa do Junqueira, pelas 17h30, no Pavilhão do Inatel de Viseu.
22ª Jornada
Boticas 9-4 Nogueirense
Braga 5-1 Monte Pedras
Boavista 7-7 Viseu Futsal 2001
Junqueira 5-3 Gafanha
UTAD 5-4 Gondomar
Amanhã Criança 2-4 Póvoa Futsal
Nogueiró 2-3 Rio Ave
Classificação
1º UTAD 22 jogos - 59 Pontos
2º Boticas 22 jogos - 57 Pontos
3º Braga 22 jogos - 43 Pontos
4º Póvoa Futsal 22 jogos - 41 Pontos
5º Rio Ave 22 jogos - 34 Pontos
6º Nogueirense 22 jogos - 33 Pontos
7º Viseu Futsal 2001 22 jogos - 32 Pontos
8º Boavista 22 jogos - 31 Pontos
9º Nogueiró 22 jogos - 23 Pontos
10º Junqueira 22 jogos - 23 Pontos
11º Amanhã Criança 22 jogos - 22 Pontos
12º Monte Pedras 22 jogos - 20 Pontos
13º Gafanha 22 jogos - 18 Pontos
14º Gondomar 22 jogos - 1 Pontos
23ª Jornada
Rio Ave - Boticas
Nogueirense - Braga
Monte Pedras - Boavista
Viseu Futsal 2001 - Junqueira
Gafanha - UTAD
Gondomar - Amanhã Criança
Póvoa Futsal - Nogueiró

FORMAÇÃO: Resultados do fim-de-semana

JUVENIS
Viseu Futsal 2001 - AJAB Tabuaço (2 - 6)

INFANTIS
Viseu Futsal 2001 - Penedono (2 - 10)

ESCOLAS
ABC Nelas - Viseu Futsal 2001 (6 - 2)
Golos: Gonçalo Almeida (2)

segunda-feira, março 23, 2009

Falta de Eficácia ditou derrota

Campeonato Nacional da 2ª Divisão - Série Norte - 21ª Jornada
Pavilhão do Inatel de Viseu
Domingo, 22 de Março - 17h30
Assistência: cerca de 400 espectadores

VISEU FUTSAL 2001 - Diogo, Borys, Carlinhos, Romário e Robson
Jogaram ainda - Careca, Rike e Vitinho
Não utilizados: David, Sequeira e Edu
Treinador: Augusto Assunção
Treinadores Adjuntos: Ricardo Matos e David Sousa

SC BRAGA - Pli, André Machado, Fabrício, Coroas e Ferrugem
Jogaram ainda - Lino (c), Rui Anão, Magalhães e Luís Silva
Não utilizados - Skat e Sérgio
Treinador: Pedro Palas

Equipa de Arbitragem: João Grilo, José Gaspar e Mesquita Alves (AF Coimbra)

Resultado ao intervalo: 1 - 2
Resultado final: 3 - 7

MARCADORES: Robson (10', e 24'), Careca (38') pelo Viseu Futsal 2001 e André Machado (1' e 40'), Coroas (10' e 21'), Lino (25'), Fabrício (36') e Magalhães (37') pelo SC Braga.

CARTÕES: Vitinho (14'), Careca (14') e Fabrício (11'), Luis Silva (13')

Num jogo de grande expectativa, onde poderia ainda estar em disputa o 3º lugar, foi fantástica a adesão do público viseense ao Pavilhão do Inatel na tarde de domingo.
O jogo foi emotivo, teve 10 golos e muitas ocasiões de golo desperdiçadas, com os viseenses a vencerem neste particular.
Em suma, os cerca de 450 espectadores que assistiram ao jogo terão dado a sua tarde por bem passada, tendo apenas ficado a faltar a vitória da equipa da casa.

Este jogo foi o espelho da época do Viseu Futsal, oscilando o muito bom com o muito mau, construindo muitas oportunidades de golo e falhando de forma clamorosa os lances criados.
Reflecte a juventude que caracteriza a equipa, com uma média de idades muito baixa, apesar da elevada qualidade destes atletas.

O Viseu Futsal assumiu o comando do jogo contra uma equipa mais experiente, com atletas com vários anos de 1ª divisão que adoptou uma postura mais defensiva explorando o contra-ataque com alguma eficácia.
O Braga adiantou-se no marcador logo no 1º minuto, num lance de infelicidade de Carlinhos que, ainda na sua zona defensiva, tenta colocar a bola num colega mas esta ressalta em André Machado e entra na baliza do Viseu Futsal.
Os viseenses, apoiados pelo seu público, não desanimaram e partiram em busca do empate, que Pli, sem dúvida o melhor em campo, conseguiu adiar com grandes defesas até ao minuto 10, quando Robson aparece na área do Braga a desviar para o 1 a 1.
A resposta do Braga não se fez esperar e ainda no mesmo minuto 10 Coroas volta a dar vantagem para os bracarenses.
Até ao intervalo o Viseu Futsal continuou a dominar e a criar muitas e boas oportunidades de golo, mas umas vezes pela falta de concentração no momento da finalização e outras pelas grandes defesas de Pli, o golo do empate não surgiu.

No 2º tempo os viseenses entraram mais adormecidos e Coroas aproveitou para dilatar a vantagem para 1 - 3, logo aos 21'.
Robson aos 24' ainda fez acreditar na reviravolta no marcador, mas, tal como já tinha sucedido no 1º golo do Viseu, o Braga respondeu no minuto seguinte e voltou a adiantar-se por intermédio de Lino.
Quando faltavam 6' para o fim do jogo o Viseu Futsal arriscou adiantando o guarda-redes Diogo, atacando com 5 elementos, mas o Braga em contra-ataque aproveitou para matar o jogo, com Fabrício aos 36' e Magalhães aos 37'.
Careca ainda reduziu para 3 - 6, aos 38', e mesmo em cima do apioto final André Machado voltava a marcar e colocar o placard final em 3 - 7.

Com este resultado as esperanças do Viseu Futsal em alcançar o 3º lugar ficaram praticamente arredadas, assim como o 4º lugar, ficando a tentativa de luta pelo 5º lugar.

Para a semana o Viseu Futsal desloca-se ao reduto do Boavista para tentar mais uma vitória.
2º Divisão Nacional - Série A - 21ª Jornada
Rio Ave 7-3 Nogueirense
Monte Pedras 4-8 Boticas
Viseu Futsal 2001 3-7 Braga
Gafanha 6-6 Boavista
Gondomar 1-4 Junqueira
Póvoa Futsal 6-4 UTAD
Nogueiró 5-3 Amanhã Criança
Classificação
1º UTAD 21 jogos - 56 Pontos
2º Boticas 21 jogos - 54 Pontos
3º Braga 21 jogos - 40 Pontos
4º Póvoa Futsal 21 jogos - 38 Pontos
5º Nogueirense 21 jogos - 33 Pontos
6º Viseu Futsal 2001 21 jogos - 31 Pontos
7º Rio Ave 21 jogos - 31 Pontos
8º Boavista 21 jogos - 30 Pontos
9º Nogueiró 21 jogos - 23 Pontos
10º Amanhã Criança 21 jogos - 22 Pontos
11º Monte Pedras 21 jogos - 20 Pontos
12º Junqueira 21 jogos - 20 Pontos
13º Gafanha 21 jogos - 18 Pontos
14º Gondomar 21 jogos - 1 Pontos
Próxima Jornada - 22ª Jornada (28/03)
Boticas - Nogueirense
Braga - Monte Pedras
Boavista - Viseu Futsal 2001
Junqueira - Gafanha
UTAD - Gondomar
Amanhã Criança - Póvoa Futsal
Nogueiró - Rio Ave

FORMAÇÃO: Resultados do fim-de-semana

JUVENIS
Penedono - Viseu Futsal 2001 (3 - 3)

INFANTIS
SC Sever - Viseu Futsal 2001 (9 - 0)

ESCOLAS
Viseu Futsal 2001 - SC Sever (1 - 9)
Golo: Gonçalo Almeida

quarta-feira, março 18, 2009

Viseu Futsal recebe Braga este domingo

video

Derrota em Boticas

BOTICAS - VISEU FUTSAL 2001 (4 - 3)
Em jogo da 20ª jornada do campeonato nacional da 2ª divisão, série norte, o Viseu Futsal 2001 deslocou-se ao terreno do Boticas, actual 2º classificado e com a subida de divisão praticamente assegurada, tendo perdido por 4 bolas a 3, num excelente jogo de futsal.
Pelo Viseu Futsal 2001 os golos foram marcados por Careca, Borys e Vitinho.
Esta semana não foi possível fazermos a habitual crónica ao jogo, pelo que, desde já, pedimos as nossas desculpas aos nossos leitores.

FORMAÇÃO: Resultados do fim-de-semana

JUVENIS
Viseu Futsal 2001 - Armamar (3 - 8)

INFANTIS
AJAB Tabuaço - Viseu Futsal 2001 (15 - 1)

ESCOLAS
Viseu Futsal 2001 - Gumirães (12 - 4)
Marcadores:
Gonçalo Almeida (5),
Tiago Albuquerque (2),
Luís Ribeiro (3),
João Pedro Rodrigues (2)

domingo, março 08, 2009

Goleada na melhor exibição da época

VISEU FUTSAL 2001 - NOGUEIRENSE (8 - 2)

Campeonato Nacional da 2ª Divisão - Série Norte - 19ª Jornada
Pavilhão do Inatel de Viseu
Domingo, 08 de Março - 17h30
Assistência: cerca de 150 espectadores

VISEU FUTSAL 2001 - Diogo, Borys, Carlinhos, Romário e Robson
Jogaram ainda - Careca, Rike, Vitinho, Sequeira, Edu
Não utilizados
Treinador: Augusto Assunção
Treinadores Adjuntos: Ricardo Matos e David Sousa

NOGUEIRENSE - Thiago, Agra, Nito, Andrezinho (c) e Leonel
Jogaram ainda - Serginho, Bife, Pinto e Jorginho
Não utilizados - Laser
Treinador: Manuel Ventura

Árbitro: Manuel Pinto (AF Porto)
2º Árbitro: Filipa Santos (AF Porto)

Resultado ao intervalo: 3 - 0
Resultado final: 8 - 2

MARCADORES: Robson (1', 35' e 39'), Romário (25'), Carlinhos (5'), Careca (14' e 22'), Borys (38'), pelo Viseu Futsal 2001 e Andrezinho (32') e Agra (36') pelo Nogueirense

CARTÕES: Diogo (25') (Viseu Futsal 2001); Thiago (4'), Nito (34' e 39'), Leonel (21' e 24'), Bife (36')



No jogo de elevado nível de dificuldade, a recepção ao 3º classificado acabou por ser um teste superado com distinção pela equipa viseense.
A boa forma que a equipa tem revelado nos últimos 2 encontros, com vitórias forasteiras frente ao Rio Ave e Monte Pedras, deixava antever um bom jogo de futsal entre duas equipas com excelentes executantes.

Começou bem o Viseu Futsal, com Robson, logo no 1º minuto de jogo a inaugurar o marcador e mostrar que os viseenses tudo iriam fazer para conquistar os 3 pontos em disputa. Passaram apenas 4 minutos e Carlinhos, numa jogada de entendimento com Romário ampliava para 2 - 0.
O jogo só dava Viseu Futsal e a equipa de Viana do Castelo ia-se defendendo, mas sem criar grandes oportunidades para a baliza de Diogo. As oportunidades sucediam-se umas atrás das outras, com os atletas de Viseu a desperdiçarem inúmeras oportunidades, até que Careca, aos 14' voltava a colocar o marcador a funcionar, fixando o resultado da 1ª parte em 3 - 0.

Na 2ª parte, e apesar do resultado, os viseenses não tiraram o pé do acelerador e logo aos 22' Careca finalizava de forma brilhante um longo lançamento de Diogo, colocando o resultado em 4 - 0 e 3 minutos volvidos, Romário marcava o seu golo de honra e fazia o 5 a 0.
Nesta altura o Nogueirense já fazia avançar o seu guarda-redes Thiago, aproveitando o seu bom jogo de pés para criar superioride nos lances de ataque. O Viseu Futsal soube fechar os caminhos para a baliza de Diogo, mas aos 32' Andrezinho reduzia para 5 - 1.
Os últimos 5 minutos tiveram mais 4 golos, com Robson a marcar aos 35', Nito a reduzir aos 36' num dos poucos erros defensivos da equipa viseense, Borys aos 38 e Robson aos 39' fecharam o marcador em 8 - 2.

A vitória não sofre qualquer contestação, e o desnível no marcador espelhou bem a superioridade que o Viseu Futsal teve neste encontro, onde o guarda-redes da equipa forasteira, Thiago, foi o seu melhor elemento.

Com esta vitória o Viseu Futsal praticamente atinge o seu grande objectivo, a manutenção, no entanto a luta pelo 3º lugar, actualmente ocupada pelo Sporting de Braga com mais 3 pontos, afirma-se com um objectivo para os últimos 7 jogos da época.

Para a semana começa um ciclo de jogos bastante difícil, com a deslocação ao reduto do Boticas, 2º classificado e com a subida assegurada. Na semana de 22 de Março o Viseu Futsal recebe o Sporting de Braga, jogo que já está a ser preparado pela direcção sendo de esperar uma grande assistência.

quinta-feira, março 05, 2009

Este domingo entrada gratuita para as mulheres


Celebrando o Dia da Mulher no próximo domingo, dia 8 de Março, a direcção do Viseu Futsal 2001 decidiu que, para a recepção ao Nogueirense, actual 3º classificado, iria permitir a entrada gratuita a todas a mulheres que se desloquem ao Pavilhão do Inatel para assistir ao jogo, além da oferta de uma pequena lembrança comemorativa deste Dia.

Para o jogo o técnico Augusto Assunção tem ao seu dispôr todos os atletas, com dúvidas apenas na utilização de Edu que ainda não se encontra a 100%.

O jogo será às 17h30 no Pavilhão do Inatel de Viseu.
Match-Day Sponsor: LUGAR DAS CASAS - MEDIAÇÃO IMOBILIÁRIA

Contamos com o seu apoio.

domingo, março 01, 2009

Vitória sem contestação


MONTE PEDRAS 0 - 7 VISEU FUTSAL 2001

Campeonato Nacional da 2ª Divisão - Série Norte - 18ª Jornada
Pavilhão Municipal de Crestins - Maia
Sábado, 28 de Fevereiro - 18h00
Assistência: cerca de 50 espectadores

MONTE PEDRAS - Ricardo, Carlos Gomes, Saul, Dominic (c) e Rui Miguel
Jogaram ainda: Pedrinha, Tico, João Paulo e Tiago Brás
Não utilizados: Hugo e Joel
Treinador: Tiago Barros

VISEU FUTSAL 2001 - Diogo, Borys, Carlinhos, Romário e Robson
Jogaram ainda - Careca, Rike, Vitinho, Sequeira
Não utilizados - Edu
Treinador: Augusto Assunção
Treinadores Adjuntos: Ricardo Matos e David Sousa
Fisioterapeuta: Luís Guerra

Árbitro: Paulo Ferreira (AF Braga)
2º Árbitro: João Paulo Rodrigues (AF Braga)

Resultado ao intervalo: 0 - 1
Resultado final: 0 - 7

MARCADORES: Robson (2' e 34'), Romário (24' e 36'), Carlinhos (32'), Rike (36') e Sequeira (39')

CARTÕES: Carlos Gomes, Dominic e Rui Miguel (Monte Pedras) e Diogo, Careca, Borys e Vitinho (Viseu Futsal 2001)

Devido a problemas eléctricos no pavilhão de Crestins, o jogo acabou por ser alterado para o pavilhão de S. Pedro de Afins, também na Maia, tendo começado com um atraso de cerca de 45 minutos. De salutar a pronta intervenção da direcção do Monte Pedras que tudo fez para que o jogo fosse realizado, tendo conseguido a disponibilidade de um outro pavilhão.

Depois da vitória na semana passada no difícil terreno do Rio Ave, o Viseu Futsal deslocou-se até à Maia com o objectivo de conquistar os 3 pontos em disputa, contra uma equipa que na 1ª volta tinha sido goleada em Viseu por 12 bolas a 3.
O Monte Pedras que tem estado a fazer uma excelente recuperação, com 2 empates e 2 vitórias nos últimos encontros.
A equipa do Viseu Futsal entrou em campo bastante concentrada e com a lição bem estudada, sendo de realçar o forte sentimento de união num plantel que tem atravessado algumas dificuldades, com algumas saídas de atletas e lesões.
Aos 2 minutos, Robson concluiu uma jogada de laboratório finalizando de forma irrepreensível e colocando os viseenses em vantagem no marcador. O Monte Pedras tentou reagir, com uma forte pressão no portador da bola, mas o Viseu Futsal continuava a ser mais perigoso, com rápidos contra-ataques, mas sem conseguirem a finalização desejada.
A equipa da casa, apesar de demonstra uma boa organização colectiva, criava poucas oportunidades junto da baliza de Diogo que ia transmitindo confiança aos seus colegas sempre que era chamado a intervir.
Ainda antes do intervalo o Monte Pedras ainda teve uma grande hipótese para igualar o marcador, na transformação de um livre de 10 metros que Diogo defendeu.

Na 2ª parte os comandados de Augusto Assunção vieram mais confiantes e mais concentrados no momento de finalizar. Assim, foi com alguma naturalidade que o resultado se começou a avolumar.
Romário aos 24 minutos fez o o - 2, concluindo uma excelente transição ofensiva e uma assistência de Careca.
Carlinhos regressou aos golos nesta época, fazendo o 0 - 3 num remate colocado, Robson bisou no jogo aos 34 minutos e quando a equipa do Monte Pedras já jogava com o 5º elemento, Romário aos 36, Rike aos 36'30'' e Vitor Sequeira a 30 segundos do final fizeram o resultado final de 0 - 7.

A arbitragem, da AF Braga, este em bom plano, sem influência no resultado.

Com esta vitória o Viseu Futsal manteve o 6º lugar, encontrando-se com uma confortável vantagem de 11 pontos dos lugares da descida e a apenas 5 do 3º classificado.

No próximo domingo, no Pavilhão do Inatel, o Viseu Futsal recebe a equipa do Nogueirense.
Contamos com o apoio do público viseense para mais uma vitória.

FORMAÇÃO: Resultados do fim-de-semana

JUVENIS
Gigantes Mangualde - Viseu Futsal 2001 (1 - 8)

INFANTIS
Viseu Futsal 2001 - CB Sernancelhe (1 - 15)

ESCOLAS
CB Sernancelhe - Viseu Futsal 2001 (8 - 2)

Luís Guerra deixa o clube


Luís Guerra, o fisioterapeuta do Viseu Futsal 2001, fez este fim de semana o seu último jogo representando o clube.

Uma proposta de emprego fora do país fez com que o jovem fisioterapeuta comunicasse à direcção do clube a sua intenção em sair e abraçar a oportunidade de dar uma novo passo na sua carreira profissional.

A direcção, equipa técnica e atletas agradecem o profissionalismo, entrega e bem estar com que sempre nos brindou, desejando-lhe as maiores felicidades pessoais e profissionais neste novo desafio.